A aurora cristã

"Mas o caminho dos justos é como a luz da aurora, que vai brilhando mais e mais até ser dia perfeito" (Prov. 4:18).

A carreira de qualquer cristão não começa pela manhã, mas sim a meia-noite. Todo ser humano na face da terra nasce em delitos e pecados, separado da vida de Deus pela ignorância que há nele. Nasce duro de coração (Ef. 4:18). Nascemos em pecados, e destituídos da glória de Deus (Rom. 3:23). "Eis que, em iniqüidade fui formado, e em pecado me concebeu a minha mãe" (Sal. 51:5). Nascemos em trevas, na maior escuridão (Is. 59:9).

Mas na hora mais escura da nossa vida Deus nos envia a sua Palavra. "E temos, mui firme, a palavra dos profetas, à qual bem fazeis em estar atentos, como a uma luz que alumia em lugar escuro, até que o dia amanheça, e a estrela da alva apareça em vossos corações" (2ª Ped. 1:19). "Lâmpada para os meus pés é a tua palavra, e luz para o meu caminho" (Sal. 119:105). Mas somente esta lâmpada não é suficiente; é necessário que o dia amanheça, e que a Estrela da manhã surja em nossos corações. A sua Palavra é luz, mas ela tem como propósito nos fazer ver a verdadeira Luz que ilumina a todo homem: "Porque em ti está o manancial da vida; na tua luz veremos a luz" (Sal. 36:9).

A Palavra de Deus é muito importante e necessária neste tempo de trevas, mas o propósito de Deus é que o Sol da Justiça se manifeste em nós lá do alto, a fim de dirigir os nossos pés pelo caminho da paz (Luc. 1:78-79). As Escrituras nos dão testemunho de Jesus, mas é necessário irmos a ele para termos vida (João 5:39-40). Jesus é a Estrela da manhã, o Sol de Justiça, a Luz da vida. Quando este Sol brilha em nossos corações, começa a vida cristã (2ª Cor. 4:6; Is. 9:2).

Este é o nosso primeiro dia no caminhar cristão. Quando Cristo passa a ser a nossa vida se inicia a aurora cristã. A partir desse dia somos chamados filhos do dia (1ª Tes. 5:5). A partir do momento que a luz da aurora brilha em nossos corações, vamos brilhando mais e mais, até que sejamos um dia perfeito, até que cheguemos ao meio dia. Este é o caminho natural do justo. "Até que todos cheguemos à unidade da fé, e do pleno conhecimento do Filho de Deus, a um varão perfeito, à medida da estatura da plenitude de Cristo" (Ef. 4:13).

Graças a Deus, o dia amanheceu para muitos, mas a grande maioria dos homens e mulheres ainda estão em trevas. É necessário que não nos esqueçamos de falar a Palavra de Deus, porque ela é uma candeia para os que estão em trevas. É necessário que sejamos luz para o mundo, e que resplandeça a nossa luz, e não somente dentro de quatro paredes – no círculo fechado da convivência com os nossos irmãos em Cristo: "Levanta-te, resplandece; porque é chegada a tua luz, e a glória do Senhor nasceu sobre ti" (Is. 60:1). "Quão formosos são, sobre os montes, os pés do que anuncia as boas novas, que faz ouvir a paz, do que anuncia o bem, que faz ouvir a salvação, do que diz a Sião: O teu Deus reina!" (Is. 52:7).

Design downloaded from free website templates.